O Movimento PaCultura, da cidade de Porto Velho, que reúne artistas de diversas linguagens culturais vem se reunindo de forma remota com alguns candidatos e entregando uma carta elaborada pelo coletivo.

De acordo com os integrantes do movimento, as reinvindicações são poucas, mas se postas em prática poderá fazer com que a cultura porto-velhense dê um salto em termos quantitativos e qualitativos.

Até o momento, segundo o Pacultura, a carta foi entregue a três candidatos, Ramon Cujui, Edvaldo Soares e Vinicius Miguel respectivamente, sendo que os dois primeiros assumiram o compromisso com os pontos reivindicados e o terceiro ficou de analisar o documento com calma.

O que eles reivindciam

1) Orçamento compatível com a importância social da Cultura;

2) Editais, leis, programas e fundo (que já existe) desburocratizado, com dotação orçamentária própria e comissões julgadoras plurais e democráticas, garantindo uma cultura plural e inclusiva para o conjunto da população;

3) Transparência e participação efetiva da população na gestão das políticas culturais através de conferências e outros mecanismos de formulação e decisão, promovendo a integração e a transversalidade da arte e da cultura em todos os setores da vida social, como a educação, o esporte, o meio ambiente, a comunicação e o trabalho;

4) A efetiva implantação do Sistema Municipal de Cultura e o respeito ao Conselho Municipal de Cultura.

 

 

Fonte: Assessoria

Responder